Governo de Paz

Ricardo Barbosa de Sousa

131208_boletim339 590

Senhor, não queremos deixar-nos vencer por pânico algum. Antes queremos viver como pessoas que sabem de um conforto totalmente diferente, um conforto superior àquele que o mundo possui. Outros se fiam em seu poder e fortuna terrenos. Nós, porém, queremos ter nosso consolo em ter um Deus que certamente nos assistirá. (Martinho Lutero).

“Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso, Conselheiro, Deus Forte, Pai da Eternidade, Príncipe da Paz; para que se aumente o seu governo e venha paz sem fim sobre o trono de Davi e sobre o seu reino, para o estabelecer e o firmar mediante o juizo e a justiça, desde agora e para sempre. O zelo do Senhor dos Exércitos fará isto” (Isaías 9.6,7).

Ameaça de queda nas bolsas, novas medidas econômicas, rompimento do acordo de paz no Oriente, violência nas ruas…

Quem está no comando de tudo isto? Não parece que tudo encontra-se perdido e fora de controle? É melhor cada um cuidar de si, porque não há ninguém se importando com os outros. É assim que muitos de nós vive, mas Isaías, numa antiga promessa de natal, afirma que o governo de toda a criação estaria sobre os ombros da criança de Belém, um governo de paz sem fim onde a justiça e o juízo seriam estabelecidos.

Jesus veio e inaugurou seu reino, não era um reino político com rei, ministros e exércitos, mas um reino onde o amor de Deus, instalado nos corações dos homens, haveria de realizar a maior de todas as revoluções. E realizou. Jesus amou homens e mulheres, velhos e crianças, judeus e gentios, fariseus e pecadores, e os amou até o fim. Tornou-se rei e sacerdote e os reinos do mundo lhes foram entregues pelo Pai, porque foi obediente até a morte e morte de cruz.

Como você tem vivido: ansioso com as incertezas dos governos, ou sereno e seguro confiando no governo de Cristo?

Oremos para que o reino de Deus venha até nós, nos converta e nos faça ser como Jesus. Oremos pelo mundo, para que os sinais do reino de Deus façam-se presentes na história, contra a pretensão dos que se julgam poderosos: Venha a nós o teu reino e seja feita a tua vontade. Que nossos corações sejam convertidos e nossa obediência oferecida a ti. Recebemos com alegria o teu governo sobre toda a criação e faças de nós teus servos e discípulos. Que nenhum outro poder, autoridade ou governo esteja sobre nós senão o teu somente. Amém.

Ricardo Barbosa de Sousa • Para Celebrar o Natal • Ed.Ultimato
CC BY-NC-ND 3.0 • This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s