O dinheiro mal adquirido

Cada Dia

“Os tesouros da impiedade de nada aproveitam, 
mas a justiça livra da morte.”
Pv 10.2

A falta de integridade é maior crise que assola a sociedade. Os valores morais estão sendo tripudiados. A lei do levar vantagem em tudo parece governar nossa gente. Políticos inescrupulosos para serem eleitos vendem a alma da nação. Esquemas de corrupção escondem quadrilhas de colarinho branco, que trafegam pelos corredores do poder amealhando os tesouros da impiedade. As riquezas que deveriam socorrer os aflitos e levantar as colunas de uma sociedade justa, são desviadas para contas bancárias de grã-finos que fazem as leis, escarnecem das leis e escapam da lei.

Aqueles, porém, que acumulam os tesouros da impiedade, que vivem no fausto e no luxo, e ajuntam para si riquezas mal adquiridas, verão que esses bens serão combustível para sua própria destruição. A riqueza injusta produz morte, mas a justiça livra da morte. É melhor ser um pobre íntegro do que um rico desonesto. É melhor comer um prato de hortaliças onde há paz, do que viver na casa dos banquetes com a alma atribulada. É melhor ser um pobre rico do que um rico pobre.

— Senhor Deus, não permitas que eu ceda à tentação de conquistar riquezas mal adquiridas. Prefiro ter paz a ter dinheiro. Ajuda-me a viver sempre em integridade. Em nome de Jesus. Amém.

Luz para o Caminho • lpc.org.br/cada-dia
CC BY-NC-ND 3.0 • This work is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Brasil License
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s