“A Bíblia não é chata, Avatar é chato”

Jônatas da Cunha Ferreira

Essa semana, ouvindo uma mensagem do Dr. John Piper, ele disse: “A Bíblia não é chata… Avatar é chato!” – referindo-se ao filme que faturou a maior bilheteria da história do cinema e concorreu ao Oscar este ano.

E eu sinceramente concordo com ele por um simples motivo. Assisti o tal filme duas vezes. Na primeira, no cinema, fui com muita expectativa pela grande divulgação e pelo burburinho ao redor da produção. Mas, encontrei uma história comum – típica dos filmes do gênero – envolta por efeitos especiais até empolgantes. Na segunda vez, entretanto, os efeitos – que eram a melhor parte do filme – ficaram comuns, perderam a surpresa e a graça.

Mas com a Bíblia é completamente diferente. A cada vez que me debruço sobre ela, sou novamente surpreendido pela perfeição de Deus e da sua Graça nela revelada – e sempre com maior intensidade. Em cada leitura e releitura, mais espantado, maravilhado e boquiaberto fico com tanta beleza e sabedoria da Santa Trindade que fala vividamente comigo em suas páginas. Em cada estudo, sou levado por Deus a perceber as minhas reais necessidades e como o Pai as supre amorosamente. Há uma surpresa a cada instante; há vida em cada linha; há sabor em suas palavras. Nunca fica chato, comum, nem sem graça.

É assim porque Deus, O Todo-Poderoso falou! O Alfa e o Ômega, princípio e fim. Ele que regulou o peso dos ventos e fixou as medidas das águas; Ele que determinou leis para as chuvas e caminho para o relâmpago dos trovões; Ele que é a explosão de alegria, e energia, e poder, e sabedoria, e força, e amor, e graça, e justiça e verdade… Ele falou; não pode ser chato!

E falou Palavras vivas e eficazes, que são mais cortantes que qualquer espada de dois gumes (Hebreus 4.12). Palavra empolgante que nos deixa sem fôlego diante das grandezas e perfeições dAquele que Fala – e ela não cessa de fazer isso a cada dia.

Falou Palavras que são Vida (João 6.63). É a voz do Santíssimo narrando tudo o que fez em Seu amor para salvar da morte pecadores – como nós – falidos e rebeldes. Palavras poderosamente transformadoras porque são aptas para discernir os pensamentos e propósitos do coração, levando-nos a mudanças radicais na vida e nos lembrando de que todos os dias há algo a ser reformado.

Falou Palavra perfeita que restaura a alma do aflito (Salmo 19.7). Palavra pura, reta e verdadeira que nos consola quando choramos; que nos dá esperança quando estamos caídos; que nos traz boas-novas quando estamos quebrados. Palavra fiel e profunda, que diz exatamente o que é sábio para nossas escolhas, mesmo quando relutamos com ela – às vezes, só muito mais tarde percebemos que ela estava certa.

Falou Palavra que é útil para o ensino e para a repreensão. Útil para a correção que nos faz crescer como pessoas e como servos, sendo aperfeiçoados para toda boa obra (2Timóteo 3.16-17). Palavra que nos faz conhecer e entender a largura, o comprimento, a altura e a profundidade do Seu amor, a fim de que sejamos tomados por Sua plenitude.

Ele falou! Falou e nos convida a experimentar e desfrutar a novidade, a surpresa, o sabor de Sua Palavra viva. Não apenas “lamber” superficialmente a cada três ou quatro dias, ou a cada domingo. Mas degusta-la todos os dias, lentamente, sem a pressa característica de nossa cultura, saindo do meio do barulho da vida moderna para ouvi-lo sem ruídos, sem interferências. A mergulhar na Sua mensagem de vida e redenção, que não é enfadonha ou amarga, mas é doce como o mel e o destilar dos favos.

Anúncios

2 comentários em ““A Bíblia não é chata, Avatar é chato”

  1. No meu pensar a respeito deste mundo globalizado, informatizado, digital e tantas outras coisas deste século em que vivemos, creio que não precisamos comparar a Bíblia com modismos. O que precisamos perante a Bíblia é o respeito pela palavra, sermos obedientes, saber ouvir a voz e os sinais de Deus diante de um mundo que nos oferece tantas opções de diversão ou entretenimento.

    Em Romanos 14.17-18 diz: Pois o Reino de Deus não é uma questão de comida ou de bebida, mas de viver corretamente, em paz e com a alegria que o Espírito Santo dá. E quem serve a Cristo dessa maneira agrada a Deus e é aprovado por todos.

    Aceitamos Cristo como nosso único e eterno Salvador, pela fé e nas obras que realizou aqui na terra, não há nada neste mundo moderno e também digital que possa atingir a plenitude do Altíssimo.
    Comparar nesta situação é simplesmente confrontar, que para mim desnecessário.

    Poderia citar muitos capítulos e versículos para expressar que só a Palavra de Deus é a água viva que pode nos alimentar, nos preencher. (Como diz um cântico: A alegria está no coração de quem já conhece a Jesus…).

    Coloquei essas poucas palavras não com o intuito de confrontar, mas de vermos além de um filme, que depois fica para trás, ESQUECIDO, em um local qualquer em uma locadora< Mas a palavra do Senhor como seu Amor dura para Sempre!

    Até Dani

    1. Dani, obrigado pelo comentário.

      Na verdade, não tem nada a ver com Avatar em si ou com qualquer outro filme. Poderia ser qualquer outro no lugar. Avatar é apenas o pretexto para dizer exatamente o que você comentou — que a Bíblia é incomparável. E por ser incomparavelmente melhor que qualquer filme é que precisamos gastar menos tempo na frente da TV e ganhar mais tempo diante das “Sagradas letras que podem nos tornar sábios para a salvação pela fé em Cristo Jesus” (2Tm 3.15)…

      Abraço.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s